VÍDEO: POR QUE NOS PARECE QUE NADA DA CERTO

Você está em: Página inicial / Matérias: / Cactos e Suculentas / Dischidia major
Planta Dischidia major

Matéria: Dischidia major

Autor - Fonte: Equipe Floresbella

Ela pertence ao grupo da família Asclepiadaceae, compreende cerca de 80 espécies conhecidas que crescem como epífitas e são originárias de áreas tropicais da Papua, Nova Guiné. São muito apreciadas pela sua forma rústica e sua pouca exigência com cuidados, pois isso fica por conta da simbiose entre as formigas e ela.

Características da Planta Dischidia major

É uma trepadeira suculenta e epífita muito incomum com folhas vazias infladas que se assemelham a balões, na natureza usada por formigas como ninhos. É um parente estranho de Hoya com folhas modificadas que parecem um cacho de bananas. Estas folhas modificadas, jarros ou ascídias, são arroxeadas e ricamente pont
lhadas com estômatos na superfície interna, e possuem uma abertura na extremidade superior próxima ao pedúnculo. Os detritos orgânicos e a água da chuva, possivelmente aumentados por fluidos secretados, acumulam-se na cavidade ao longo do tempo, oferecendo uma fonte de nutrição que a planta utiliza ao plantar raízes na câmara. Realmente é uma planta maravilhosamente exótica. Cresce a cerca de 6 metros de comprimento, tendo muitos caules rijos e retorcidos. Nas hastes, raízes adventícias se formam nas juntas das folhas para fixá-las à planta hospedeira. As folhas são opostas, começando pequenas e arredondadas, em seguida, as folhas de armazenamento de alimentos modificados se tornam grandes, semelhantes a jarros e ocos. No entanto, a cavidade na folha se enche com suas próprias raízes. Essas folhas são carnudas, verdes do lado de fora e arroxeadas por dentro. As flores principais de Dischidia são listradas de amarelo com verde e dispostas em umbelas com poucas ou muitas flores.

Como Cultivar e cuidar da Planta Dischidia major

Fácil de crescer como planta de casa ou nas áreas mais secas dos terrários. Gosta de luz brilhante e precisa secar entre cada rega.

Clima e luminosidade ideal para cultivar a Planta Dischidia major

Dischidias são algumas das plantas mais fáceis e mais recompensadoras para cultivar Elas toleram grandes variações de temperatura e umidade. As folhas ocas abrigam formigas na natureza; as formigas recebem uma casa livre e a planta recebe proteção contra insetos predadores. Esta epífita tropical pode ser cultivada em musgo, casca de orquídea ou casca. Ele também tem folhas mais arredondadas. Gosta de calor, luz brilhante e alta umidade.

Como regar adequadamente a Planta Dischidia major

Regue a Dischidia quando a superfície do galho onde ela está acomodada começar a secar. A planta é bastante tolerante à seca, então você não precisa ficar alarmado se você esquecer de regar por alguns dias.

Solo Ideal para o cultivo da Planta Dischidia major

Esta realmente é uma planta para crescer fixada em galhos de árvores. Fixe a num galho onde há sombra parcial e possa receber o sol fraco da manhã, mas nunca deixe exposta no sol direto, pois pode queimar suas belas e sensíveis folhas.

Propagação da Planta Dischidia major

Através de estacas de 20 centímetros podem ser multiplicadas com facilidade.

Como adubar a Planta Dischidia major

O fruto de Dischidia major consiste do par usual de folículos em forma de chifre enquanto a semente tem um tufo de pelos sedosos em uma extremidade e inclui uma porção comestível ou elaiosoma como incentivo para formigas moverem a semente - mirmecocoria em ninhos dentro da árvore com uma chance melhorada de germinação e crescimento.

Cultivo Ornamental da Planta Dischidia major

Como planta de interior é necessário colocá la em locais com alta luminosidade e ventilação. Ficam exuberantes e muito bonitas fixadas em troncos de árvores em jardins.


Política de Privacidade
Política de Cookie
Busca Google
WhatsApp: (11) 9 8104 7797