VÍDEO: POR QUE NOS PARECE QUE NADA DA CERTO

Você está em: Página inicial / Matérias: / Orquídeas / Orquídea Restrepia persicina
Restrepia persicina

Matéria: Orquídea Restrepia persicina

Autor - Fonte: Equipe Floresbella

É uma espécie epífita originária do Equador, encontrada em Zamora Chinchipe nas florestas nebulosas de altitudes de 1.500 metros. É uma orquídea epífita de tamanho pequeno.

Características da Orquídea Restrepia persicina.

as flores são diminutas, e florescem durante o inverno. Sua inflorescência surge de trás da folha que mede cerca de 4 cm.

Como plantar, regar e adubar a Orquídea Restrepia persicina.

O plantio pode ser realizado em cachepos de madeira, placas de xaxim, vaso pequeno de barro, preenchido com um substrato de granulatura mínima, composto de casca de pinus, carvão vegetal, musgo sphagnum.
Elas apreciam um ambiente com iluminação moderada tal
omo para as Phalaenopsis, com sombra parcial. Clima adequado para elas são os mais frios, mas quando cultivadas em clima quente, o substrato durante o verão deve ser mantido úmido, porem nunca encharcado, alem de deixa la longe da exposição direta dos raios solares.

Uma adubação mensal é ideal, utilize sempre fertilizantes de boa procedência e siga as instruções de dosagem recomendada pelo fabricante

Como fazer mudas da Orquídea Restrepia persicina.

Para um novo exemplar, propague o através de divisão de touceiras ou aguarde até que ela forme um novo keiki na base da folha, o que é também uma maneira fácil de propagá- los., assim formamos uma nova Restrepia persicina.


Política de Privacidade
Política de Cookie
Busca Google
WhatsApp: (11) 9 8104 7797