VÍDEO: POR QUE NOS PARECE QUE NADA DA CERTO

Você está em: Página inicial / Matérias: / Orquídeas / Orquídea Cattleya bradei
Cattleya bradei

Matéria: Orquídea Cattleya bradei

Autor - Fonte: Equipe Floresbella


É uma espécie endêmica do Brasil especialmente nos estados de Minas Gerais e Espírito Santo. Cresce em rachaduras rochosas entre 1200 e 1300 metros de altitude. São Também muito comumente encontrados em depósitos cristalinos de areia e cascalho que se acumula nas depressões das bordas, que então agem como pequenas piscinas durante a estação chuvosa. Estes secam durante os vários meses de seca sazonal, mas lá fica sempre um pouco de umidade disponível para os sistemas radiculares e, portanto, as plantas sobrevivem a esses longos períodos sem chuva.

Características da Orquídea Cattleya bradei

É a menor de todas as Cattleya Laelias. Em 1973, foi nomeado em homenagem
o A. C. Brade que fez uma grande pesquisa sobre laelias rupícolas no Brasil.

Folhas da Orquídea Cattleya bradei

As folhas são espessas e carnudas e crescem 3-4 cm de comprimento. Em geral, a altura da planta raramente excede 6-8 cm. As folhas são encapsulada e verde escuro ou avermelhadas se expostas a luz muito intensa.

Flores da Orquídea Laelia bradei


O pico de floração da espécie é no verão, ela fornece até 3 flores numa haste de 5 a 6 cm de altura. As flores são amarelo pálido e amarelo rico em cromo. As pétalas são amplas quando comparadas ao seu comprimento. As flores de 2 a 2,5cm de diâmetro se expõem mantidas ligeiramente acima da folhagem.

Como cultivar a Orquídea Cattleya bradei


Clima e luminosidade ideal para o crescimento da Orquídea Cattleya bradei

Gostam de temperaturas amenas, um sombrite de 50% de retenção de luminosidade caso os raios de sol incidam diretamente sobre ela resolve para montar um clima ideal para seu cultivo.

Como plantar, regar e fertilizar a Orquídea Cattleya bradei

Cultivar como outras espécies rupícolas. Use um meio de vaso inorgânico bem drenado ou vasos de barro. Esta espécie pode ser cultivada em uma janela virada para o sul, com o vaso preenchido por pedras brita. Sua fertilização de manutenção durante o crescimento da planta e outro de floração a cada 15 dias por 3 meses antes do verão.


Política de Privacidade
Política de Cookie
Busca Google
WhatsApp: (11) 9 8104 7797