Você está em: Página inicial / Orquídeas / Curso de orquídeas Página 2
Capa do livro curso de orquídeas

Livro: Curso de orquídeas Página 2

Autor - Fonte: Juscelino Nobuo Shiraki e Elaine Martinez Diaz

Ir para a página:
... res apenas como suporte para se fixarem e receberem luz.

Na natureza, as plantas epífitas realizam a fotossíntese e obtêm os nutrientes através da decomposição de materiais orgânicos (restos vegetais e animais, poeiras de origens diversas, etc.) retidos nas copas das árvores.

Muitos acreditam que as orquídeas são de difícil cultivo e acabam descartando a planta após o florescimento. Na verdade elas são, em geral, bastante rústicas e conseguem suportar longos períodos em condições inadequadas ao seu desenvolvimento.


Para se obter sucesso no cultivo de orquídeas em casa deve-se imitar a natureza. Assim, inicialmente é necessário conhecer a planta, suas estruturas
seus mecanismos de adaptação ao ambiente e perpetuação; observar o meio em que vive e seu hábito vegetativo. A partir disso, procura-se fornecer as condições de temperatura, luz, aeração, umidade, substrato e nutrientes semelhantes aos que a orquídea encontra em seu ambiente natural.


CAPÍTULO 2 - NOME POPULAR X NOME CIENTÍFICO

Identificar e escrever corretamente o nome das espécies de orquídeas é de grande importância para quem está iniciando uma coleção.

A correta identificação se faz necessária para conhecermos melhor a planta que temos ou que desejamos ter, facilitando dessa forma o seu cultivo adequado, tendo em vista as particularidades existentes dentre as várias espécies de orquídeas.

O nome científico denomina uma única planta, em qualquer lugar do mundo.
Assim, podemos obter informações seguras entre produtores, colecionadores, pesquisadores, internet e livros.
Os nomes populares ou vulgares causam confusões, visto que variam de região para região, além de que podem denominar várias espécies diferentes.
Como exemplo temos a “chuva de ouro”, nome popular que tanto se refere a diversas espécies de orquídeas do gênero Oncidium, quanto a árvores da família Fabaceae (ex.: Cassia fistula).

2.1 - NOMENCLATURA BOTÂNICA DA ORCHIDACEAE

Como as orquídeas não costumam ser conhecidas por nomes populares, torna-se necessário entender a sua nomenclatura.
Sistemática é a ciência que estuda a diversidade biológica e a sua história evolutiva. Por trás da nomenclatura botânica está a taxonomia, que é o ramo da Sistemática responsável pela identificação, atribuição de nomes e classificação das espécies.

Para dar o nome cientifico para cada espécie, a língua utilizada é o latim ou o grego latinizado. O latim foi adotado como língua oficial por ser uma ‘língua morta’, isto é, não é mais usado em nenhum lugar do mundo e, portanto, suas regras gramaticais e o seu significado não sofrem modificações.

O nome científico para todos os seres vivos identificados e/ou estudados é composto por dois nomes (binômio), seguidos do nome do autor (responsável pela descrição e classificação da espécie). O primeiro nome refere-se ao gênero e é chamado de epíteto genérico, iniciando com letra maiúscula, e o segundo nome é o epíteto específico, iniciando com minúscula (ex.: Epidendrum pseudoepidendrum Rchb.f.). Quando em textos, o nome científico deve estar
em negrito ou grafado.

CAPÍTULO 2 - NOME POPULAR X NOME CIENTÍFICO 27
2.2 - ESPÉCIES X HÍBRIDOS
Espécies, por definição, são plantas oriundas da natureza e que são descritas por taxonomistas. Nas orquídeas podem ocorrer variações naturais de uma espécie, e assim um terceiro termo é adicionado após a abreviação ‘var.’(escrito em romano e em letras minúsculas). É chamado de epíteto varietal e deve ser escrito em itálico e em letras minúsculas. Como exemplo temos a Cattleya walkeriana var. alba, cujas flores são brancas.

Os híbridos são plantas resultantes do cruzamento de espécies diferentes (do mesmo gênero ou de gêneros distintos) e que podem ter origem natural ou induzida pelo homem. Híbridos de origem natural, ou simplesmente híbridos naturais, s ... 
Ir para a página:

Fale Conosco
Política de Privacidade
Política de Cookie
Busca Google
WhatsApp: (11) 9 8104 7797